sábado, 31 de julho de 2010

Fiscalizações são rotineiras e também acontecem em vários pontos da cidade

TRANSPORTE
Veículos reprovados pela Prefeitura no acesso ao Cristo chegam a 90





30/07/2010 - Prefeitura


Nesta sexta-feira, dia 30, em continuidade à ação direcionada da Secretaria Municipal de Transportes (SMTR) no trajeto de acesso ao Cristo Redentor, mais 51 veículos foram avaliados pela equipe da Subsecretaria de Fiscalização (SubF), sendo 48 táxis e outros três na modalidade de fretamento. Durante a operação, 13 táxis foram reprovados e proibidos de transitar com passageiros até que solucionem todas as irregularidades flagradas pelos fiscais da SubF.



Má conservação do veículo, como pneu careca e carroceria danificada, e documentos irregulares foram os principais problemas encontrados pela SubF neste oitavo dia de fiscalização consecutiva no local.



Os táxis reprovados foram penalizados e retirados de circulação e só poderão retornar às ruas da cidade, prestando o serviço de transporte à população, após passarem por uma nova vistoria junto à SMTR.



A SubF operou com o apoio da Polícia Militar e da Guarda Municipal. Em caso de suspeitas de possíveis irregularidades, as denúncias podem ser registradas no Disque Transporte da SMTR, pelo telefone 2286-8010. O Subsecretário de Fiscalização de Transportes, Coronel PM Eduardo Frederico Cabral de Oliveira, alerta que é importante fornecer às autoridades o máximo de dados possíveis no momento da denúncia, tais como o número de placa do veículo, nome e registro do condutor.



Balanço das operações da SubF no acesso ao Cristo Redentor:


Local: Rua Cosme Velho e estradas das Paineiras e do Corcovado

Modalidades: fretamento e táxis

Foco: Coibir irregularidades quanto à documentação e conservação de veículos de transporte

Principais irregularidades: documentação irregular junto à SMTR para circular com passageiros pela cidade

Total de fiscalizados: 234 veículos

Total de penalizados: 90 veículos


As fiscalizações da SubF são rotineiras em várias localidades do município, inclusive no trajeto de acesso ao Cristo Redentor, com o objetivo de coibir a prática ilegal destas modalidades de transporte, quanto à documentação e conservação de veículos.

Nenhum comentário: