quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Túneis Zuzu Angel e Acústico entrarão em reforma em dezembro por seis meses

25/10/2010 - O Globo - Isabela Bastos

R$ 12 MILHÕES

RIO - Com um fluxo de 90 mil veículos por dia, paredes cheias de infiltrações e escurecidas pela fuligem e asfalto em precárias condições, os túneis Zuzu Angel e Acústico, que ligam a Gávea a São Conrado, entram em reforma em dezembro. Segundo o secretário municipal de Conservação e Serviços Públicos, Carlos Roberto Osorio, as obras - orçadas em aproximadamente R$ 12 milhões - serão divididas em duas etapas e deverão durar seis meses. Para não atrapalhar o trânsito, os trabalhos se concentrarão no horário da madrugada - da meia-noite às 5h - quando os túneis costumam ser fechados para manutenção.

De acordo com o secretário, numa primeira etapa, a reforma se concentrará na limpeza e recuperação das paredes e dos tetos dos túneis. Para retirar a grossa camada de fuligem que recobre as abóbodas das galerias, serão usados jatos de areia. As infiltrações serão então corrigidas e os trechos em pior estado receberão reforço estrutural. Uma nova pintura, feita em cimento com camada de impermeabilizante, será aplicada por fim nas paredes, para facilitar a manutenção no futuro.

- Testamos cinco produtos nos últimos quatro meses, num pequeno trecho do Zuzu Angel, para chegarmos a uma cobertura que garantisse uma limpeza mais fácil das abóbadas após às obras. A pintura servirá não apenas para clarear os túneis, mas para corrigir imperfeições. Hoje, a faxina é comprometida porque a fuligem está muito aderida às paredes - explica Osorio.

A segunda etapa das obras consistirá na troca do asfalto dos túneis e na implantação de nova sinalização horizontal. Olhos de gato serão instalados no chão e nas paredes, com objetivo de tornar mais segura a circulação pelas galerias. As lâmpadas que hoje iluminam pouca coisa, por conta do estado precário dos túneis, também serão trocadas.

Trabalho será suspenso durante os fins de semana

Para minimizar o impacto no trânsito entre a Barra e a Zona Sul durante as obras, a Secretaria municipal de Conservação e Serviços Públicos pretende adotar o esquema que a CET-Rio já usa na manutenção dos túneis, quando as galerias são fechadas sempre um sentido de cada vez. Osorio disse ainda que os finais de semana, quando o tráfego entre essas duas regiões da cidade fica maior, serão evitados.

- O período de seis meses de obras é maior que o necessário para concluir os trabalhos, exatamente para permitir que a companhia de tráfego possa determinar os melhores dias de interdição. É uma zona de conforto - afirma Osorio.

A reforma do Zuzu Angel e do Túnel Acústico será alvo de duas licitações. A primeira, relativa à limpeza das paredes e troca do asfalto, orçada em cerca de R$ 8 milhões, será lançada na semana que vem. A autorização para essa concorrência foi publicada ontem no Diário Oficial. De acordo com Osorio, nos próximos dias, será publicado um segundo aviso de licitação para a troca das lâmpadas, num pacote de intervenções orçado em R$ 4 milhões. Ainda de acordo com o secretário de Conservação, as obras no Zuzu Angel e no Acústico serão as primeiras de uma série de intervenções prevista para acontecer em todos os túneis da cidade.

Nenhum comentário: