quarta-feira, 16 de abril de 2014

Secretaria descarta risco de acidentes em acesso à Binário

29/10/2013 - O Globo

Teste mostra que 2 ônibus podem fazer curva juntos sem problema

LUDMILLA LIMA

Agentes orientam motoristas, no sábado, para futuro fechamento da Perimetral Márcia Foletto / Agência O Globo

RIO - Depois de teste feito no fim de semana, a Secretaria municipal de Transportes negou nessa segunda-feira haver qualquer risco de a curva na saída do Elevado do Gasômetro, na alça de acesso à nova Via Binário do Porto, provocar acidente ou um gargalo no trânsito. O secretário Carlos Roberto Osorio afirmou que dois ônibus, mesmo os frescões, podem passar ao mesmo tempo pelo ponto, que tem duas faixas de 3,5 metros de largura cada.

Segundo Osorio, o teste feito no domingo ou seja, com trânsito reduzido provou não haver possibilidade de o tráfego ficar afunilado no acesso devido à largura da alça. O Elevado da Perimetral será fechado ao trânsito na noite do próximo sábado, com o trânsito desviado para a Binário.

Não temos nenhuma dúvida em relação ao projeto (do acesso) disse o secretário. O local não é apertado e tem uma medida, de 3,5 metros (por faixa), adequada. Fizemos os testes, e os ônibus vão circular pela alça da Binário sem problemas.

Osorio rechaçou também qualquer chance de batidas na curva da alça (não existe nenhum perigo) e afirmou que, durante a semana, nos horários de rush, o risco ainda é menor que aos domingos:

Não faz a menor diferença a passagem pela alça durante a semana. O fluxo faz com que os veículos circulem mais devagar. Não existe a menor preocupação quanto à passagem dos ônibus por ali.

Na segunda de manhã, o trânsito já complicado na Zona Portuária, por causa das obras que vêm sendo feitas na região, ficou ainda pior por causa de duas manifestações. Trabalhadores de um estaleiro saíram do Caju e seguiram até o Centro, ocupando as avenidas Brasil, Francisco Bicalho, Presidente Vargas e Rio Branco. Já em frente à Rodoviária Novo Rio, cerca de 40 pessoas de um grupo autointitulado Frente Independente Popular (FIP), com a presença de alguns professores, fecharam a Avenida Rodrigues Alves por cerca de meia hora.

Nenhum comentário: