quarta-feira, 11 de novembro de 2015

TransOceânica: perfurações no túnel do lado de Charitas começam dia 19 de novembro

10/11/2015 - O Fluminense

Prefeito percorre um dos túneis e anuncia detalhes do cronograma das obras

Rodrigo Neves afirmou que a obra da TransOceânica possibilitará a transformação da Estrada Francisco da Cruz Nunes
Foto: Divulgação/Leonardo Simplício

O prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, visitou na manhã desta terça-feira (10) as obras da TransOceânica e anunciou que no próximo dia 19 serão iniciadas as perfurações no lado de Charitas do túnel. Ao todo, 300 metros de túnel já foram perfurados (150 de cada lado). Na próxima segunda-feira (16), irão começar as obras do lado esquerdo de quem sobe para a Região Oceânica do trecho 8 da obra (que vai da entrada da Avenida Central até o Engenho do Mato) e o lado direito da obra estará concluído, facilitando assim a vida dos comerciantes tendo em vista a proximidade do período de Natal.

Nesta quarta-feira (11) será iniciado o trecho 4 da obra, entre o DPO do Cafubá e a rótula do bairro, com microdrenagem, sistemas de drenagem e preparação da pavimentação da antiga avenida Raul de Oliveira Rodrigues.

O trecho 3, que vai do canteiro de obras até a rótula do Cafubá, está em andamento, com sistema de drenagem, com previsão de conclusão para março. Já o trecho 5, na Estrada Francisco da Cruz Nunes, deverá começar em janeiro.

Durante a visita de hoje, o prefeito, acompanhado de secretários municipais, do deputado estadual Waldeck Carneiro, vereadores e lideranças comunitárias da região, percorreu 150 metros de um dos túneis. Segundo ele, a obra segue o seu cronograma

"A obra está caminhando a passos largos. Ela segue um cronograma positivo porque planejávamos para o momento 250 metros de perfuração e já tem 300. Com início da perfuração em Charitas, vamos ter duas frentes de obras no túnel e a previsão é que no segundo semestre de 2016, as duas partes se encontrem. Essa obra é esperada há 40 anos. Fico orgulhoso e feliz por isso porque para chegarmos até aqui vencemos dezenas de etapas de licenciamento ambiental, projeto executivo, obtenção de recursos e financiamento. Isso é resultado de planejamento, dedicação, competência e empenho, não é do acaso. Mais que e uma obra viária, a TransOceânica é uma proposta de mobilidade urbana que, além do túnel sem pedágio, contará também com o BHLS, um sistema de alta performance de transporte coletivo, melhorando a mobilidade de Niterói, criando uma opção de deslocamento e uma perspectiva de desenvolvimento sustentável para Niterói pelos próximos 30 anos. Estamos preocupados com as próximas gerações, preparar a nossa cidade para que o futuro dela seja melhor do que o passado e o recente", declarou.

Rodrigo Neves afirmou que a obra da TransOceânica possibilitará a transformação da Estrada Francisco da Cruz Nunes que vai deixar de ser uma via degradada e depreciada ha muitos anos e ganhará um corredor moderno de transporte, uma nova iluminação e vai se modernizar, se tornando uma rua acolhedora para a população da Região Oceânica.

Nenhum comentário: