quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Automóvel Clube


O Globo, Ancelmo Gois, 31/ago 

Continua incerto o destino do prédio do Automóvel Clube, na Rua do Passeio, inaugurado  em 1860 como sede do Cassino Fluminense. O grupo Tom Brasil, que venceu uma licitação da Prefeitura em 2008 para instalar uma casa de jazz, não deu conta do recado. Agora, há uma negociação em curso para instalar ali a Casa do Samba, projeto de preservação da memória da MPB que vem sendo acalentado há quatro anos pelo arquiteto Alfredo Britto, além de Sérgio Cabral, pai, Andrea Alves e o músico Luís Filipe Lima. 

Nenhum comentário: