quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Prédios no lugar de antigo Autódromo


O Globo, 30/ago
O pacote olímpico do prefeito Eduardo Paes também define o que será feito com as áreas que não forem aproveitadas pelo Comitê Organizador da Rio 2016 para a construção de novas instalações esportivas, no terreno ocupado atualmente pelo Autódromo Nelson Piquet, na Avenida Salvador Allende, na Barra. Paes quer que os vereadores autorizem a venda dos imóveis.
Uma lei aprovada em 2005, pelo ex-prefeito Cesar Maia, permite que nesses terrenos sejam construídos condomínios residenciais, hotéis e prédios de escritórios, além de áreas de lazer.
Logo após os Jogos PanAmericanos de 2007, o exprefeito Cesar Maia chegou a tentar oferecer alguns desses terrenos à iniciativa privada, por um prazo de 50 anos. A proposta não atraiu interessados porque os investidores não seriam os proprietários desses terrenos.
No mesmo projeto, o prefeito pede à Câmara dos Vereadores que permita a construção do novo autódromo em Deodoro. O prefeito condiciona a implantação do complexo automobilístico a estudos prévios de impacto ambiental e de trânsito por órgãos públicos municipais.
O terreno escolhido, que hoje pertence ao Exército, fica entre a Estrada do Camboatá e a Avenida Brasil.
Em outro projeto, o prefeito pede autorização para a criação de uma nova empresa estatal. A Empresa Rio 2016 ficará responsável pelo gerenciamento de todos os projetos da prefeitura que preparam a cidade não apenas para as Olimpíadas mas também para a Copa do Mundo de 2014.
- O objetivo é centralizar nesta nova empresa as equipes de funcionários da prefeitura que já trabalham no desenvolvimento dos projetos dos megaeventos - disse o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Felipe Goes.
Mais um projeto a ser analisado pelos vereadores isenta do pagamento de ISS os serviços prestados que estejam relacionados à Copa das Confederações de 2013, à Copa do Mundo de 2014 e aos Jogos Olímpicos de 2016. No caso das Olimpíadas, o CO-Rio 2016 também ficará isento do pagamento de IPTU, taxa de coleta de Lixo e ITBI de imóveis de sua propriedade ou que sejam cedidos à entidade.

Nenhum comentário: