segunda-feira, 16 de maio de 2011

Barracos em área prevista para abrigar complexo da CBF na Barra são derrubados

16/05/2011 - O Globo, Waleska Borges


RIO - Oficiais de Justiça cumpriram na manhã desta segunda-feira uma ordem de demolição de construções irregulares no terreno do empresário Pasquale Mauro, que tem uma promessa de compra e venda com a CBF. A determinação foié da juíza Érica Batista, da 1ª Vara Cível da Barra da Tijuca. Quatro oficiais de Justiça foram ao local com auxílio de policiais militares para derrubada de cerca de dez barracos.




No momento da chegada dos oficiais ao local, um homem que se disse vigilante do terreno foi detido. Leonardo Dantas, de 36 anos, estava com uma réplica de um fuzil N16 guardada no seu carro. Ele disse que é colecionador de armas e atirador e apresentou um certificado do Exército que o permite ter o porte da arma. Dantas afirmou ainda que a réplica do fuzil é usada para jogos. Ele será levado para a 16ª DP (Barra da Tijuca), onde prestará esclarecimentos. Ainda segundo Dantas, ele é vigia da Paloma Incorporações.

Um dos proprietários de um dos barracos que está na área de via pública, próximo ao terreno do empresário Pasquale Mauro, alega que mora no local há 33 anos. Antônio Saraiva de Oliveira, de 73 anos, disse ainda que não vendeu o seu terreno para qualquer pessoa. No entanto, de acordo com a advogada do empresário, Roberta Mauro, a construtora de São Paulo Paloma Incorporações diz que comprou os direitos de Antônio Saraiva pela posse do terreno.

- Até hoje eu não recebi nada de ninguém. Nunca fui ao fórum. Há três anos, quando estava em viagem ao Ceará, recebi uma ligação que era para voltar ao Rio e receber uma indenização. Mas, isso nunca ocorreu - disse Antônio.

Numa outra parte, ao lado dos barracos de Antônio, mora Risomar Jerônimo Romeiro, de 44 anos. Ela diz que está no local há 24 anos e que mora com a família em três barracos.

Segundo o advogado da CBF, Carlos Eugênio Lopes, topógrafos da entidade já estão no local medindo a área que foi comprada. Ele disse que ainda nesta segunda-feira, o terreno deverá ser cercado. A intenção é que as obras do Centro de Treinamento para a Copa de 2014 comecem imediatamente. Os planos da CBF também são de construir na área uma sede administrativa e um museu do futebol.

Márcio Magalhães, diretor da construtora Andrade Gutierrez, contratada para executar o projeto da CBF, já havia explicado, durante entrevista realizada no fim de abril, que as obras do Centro de Treinamento exigirão soluções complexas de engenharia, devido a algumas características do terreno. E, à medida em que o tempo passa, o custo das obras tende a aumentar, para que tudo seja entregue em janeiro de 2013 conforme previsto. O plano original era iniciar as obras em outubro de 2010.


© 1996 - 2011. Todos os direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A.

Nenhum comentário: