sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Bike Rio vai para a Zona Norte

25/10/2013 -  Itaú Unibanco

Nova licitação confirmou Sertter e Itaú Unibanco na operação do sistema carioca de bicicletas públicas. Operação vai chegar a todas as regiões da cidade

Bike Rio será ampliado
Bike Rio será ampliado
Estação do Bike Rio: contrato prevê mais 200 delas
créditos: RioMania
 
Aconteceu ontem (24) a abertura dos envelopes da licitação do sistema de bicicletas compartilhadas na cidade do Rio de Janeiro. A empresa Serttel, com apoio do Itaú Unibanco, foi declarada vencedora da licitação.
 
Na próxima segunda-feira (28) o projeto completa dois anos de funcionamento, e entra em nova fase, afirma o patrocinador em nota divulgada à imprensa. Agora, as estações do Bike Rio ocuparão todas as regiões da cidade, incluindo a Zona Sul, Centro, Cidade Olímpica, Barra da Tijuca e Recreio, entre outras áreas. 

Hoje o sistema funciona com 60 estações e o novo contrato prevê mais 200 pontos. Sessenta dessas estações serão instaladas em até 120 dias após a homologação do contrato. Com a ampliação, 2.600 "laranjinhas" estarão à disposição dos usuários, agora em novo horário, até a meia-noite, informou o Itaú Unibanco.

 
Mapa atual de estações: com expansão, rede chega aos bairros da zona norte e oeste
 
O período gratuito de utilização que, no Rio é hoje de 60 minutos, será alterado para 45 minutos, possibilitando que mais pessoas utilizem a bike. No entanto, permanece a regra que, após intervalo de 15 minutos, é possível utilizar a bike novamente sem custo. Em São Paulo, o usuário do Bike Sampa pode usar a bicicleta gratuitamente por 30 minutos.
 
A integração do sistema com o cartão eletrônico de transporte público também está nos planos da Serttel, como já foi feito em Recife e, experimentalmente, em São Paulo.

Nenhum comentário: